Quais são as características da hemorroida?

Todo mundo tem vasos dilatados na região do ânus que funcionam como se fosse a borracha da porta do carro – quando a porta fecha, essa borracha amassa e veda o conteúdo. Esses vasos dilatados, chamados de vasos hemorroidários, na hora em que o ânus se fecha, eles se apertam um contra o outro.

Então, o bom fechamento da região do ânus depende dos vasos dilatados. É importante ressaltar que esses vasos são hemorroidários e ainda não caracterizam a hemorroida. A doença hemorroidária ocorre quando esses vasos se dilatam e podem levar a um desses três sintomas:

– Sangramento indolor, que pinga no vaso e suja o papel, e causa bastante desconforto;

– Sensação de uma bolinha dura e dolorosa na borda do ânus, chamada de trombose hemorroidária, que acontece quando o sangue coagula dentro do vaso dilatado. Essa trombose não dá tromboembolismo pulmonar, portanto, não há o perigo de matar alguém de faltar de ar, mas é uma situação bastante confortável e precisa de tratamento;

– Prolapso hemorroidário: é uma região de mucosa dentro do ânus, que não foi desenhada para ficar em contato com o ar e nem com a roupa íntima. Quando ela fica para fora, pode-se comparar a uma a gengiva que fica exposta. Esse problema causa inflamação da pele ao redor do ânus, assadura. Dessa forma, quando o indivíduo consome pimenta ou alimento ácido, vai sentir uma ardência na região.

Portanto, se você tem algum desses três sintomas, especialmente o sangue, procure o médico, porque algumas vezes esses sintomas se confundem com os sinais do câncer de intestino. E pode ser que, por causa disso, perde-se a oportunidade de fazer um diagnóstico precoce dessa doença que é mais grave que hemorroida.

Fique de olho,

Saúde!

Deixe uma resposta