Para que serve a manometria esofágica?

Destacada Exames - Manometria Esofágica - Por Dr. Fabio Atui - Cirurgia do Aparelho Digestivo e Coloproctologista

Série especial: “A importância dos exames”

Manometria esofágica

Neste terceiro capítulo da série especial, o assunto é esse exame que ajuda o médico a diagnosticar a doença do refluxo gastroesofágico.


A manometria esofágica é realizada para avaliar o funcionamento do esôfago, por meio de medições de pressões. Ela é importante para analisar casos de doenças próprias do órgão, como a doença do refluxo gastroesofágico.

Texto Exames - Manometria Esofágica - Por Dr. Fabio Atui - Cirurgia do Aparelho Digestivo e ColoproctologistaO esôfago tem a função de se contrair para levar o alimento da laringe até o estômago. Para que isso aconteça, deve haver contrações coordenadas, seguindo do esôfago, repelindo o alimento adiante. Algumas doenças podem interferir tanto na capacidade de contração, quanto da coordenação das ondas. Assim, o exame da manometria esofágica consegue analisar esse processo e dar uma avaliação funcional ao médico.

Esse exame é importante também antes da cirurgia para a correção da doença do refluxo gastroesofágico, porque pode identificar um esôfago fraco, que pode interferir na operação.

A manometria esofágica deve ser realizada em jejum, de pelo menos quatro horas, e com o paciente acordado, pois terá que engolir no decorrer do exame.

Uma sonda, com oito receptores, é introduzida para medir a pressão. Nela, há sensores responsáveis pela captação das pressões intraesofágicas e o paciente terá que ingerir pequenas quantidades de água. Os dados serão transferidos para o computador, onde serão analisados pelo médico. Após o exame, o paciente pode retornar à sua rotina normalmente.

Fique de olho,
Saúde!

Dr. Fabio Atui - Cirurgia do Aparelho Digestivo e Coloproctologista

Deixe uma resposta