“Tempo de Trânsito Colônico” é usado para investigar a obstipação intestinal

Tempo de trânsito colônico - Exames - Por Dr Fabio Atui

Série especial: “A importância dos exames”

Tempo de Trânsito Colônico

Um exame muito importante e pouco difundido para investigar os problemas com intestino preso é o “Tempo de Trânsito Colônico”. Para que se possa instituir o tratamento adequado, é necessário investigar e compreender qual é a parte do processo de evacuação que não funcionando corretamente.

Tempo de trânsito colônico - Exames - Por Dr Fabio AtuiEsse processo é o início da investigação de dois grandes grupos de pessoas: aqueles com o intestino que não funciona, porque a contração de suas paredes não é eficiente, daqueles em que o bolo fecal chega à parte terminal do intestino, mas há uma dificuldade na saída das fezes, conhecida como evacuação obstruída.

Durante o exame, o paciente recebe uma cápsula, parecida com uma pílula de antibiótico, com vinte e duas argolas pequenas, que ficam brancas quando olhadas ao raio-X. A partir disso, o indivíduo realizará três radiografias do abdômen: no primeiro, no terceiro e no quinto dia após o procedimento. E, conforme o modo como essas argolas se distribuirão, o médico analisará se o paciente tem obstipação ou não.

Dessa forma, as informações mostradas pelo “Tempo de Trânsito Colônico” sobre o funcionamento do intestino são importantes para que o médico possa instituir o tratamento adequado ou continuar a investigação, dependendo do resultado.

 

Fique de olho,

Saúde!

Dr Fabio Atui - Cirurgia do Aparelho Digestivo e Coloproctologista

Deixe uma resposta