Você sofre de gases?

Voce-sofre-de-gases-dr-fabio-atui

Faremos uma série especial sobre gases e hoje o assunto é o arroto.

O arroto ou eructação (como é chamado pela literatura médica) é o ato de expelir os gases estomacais através da boca, geralmente acompanhado do som característico. Os gases são adquiridos por meio da deglutição, seja engolindo ar, ou através do consumo de bebidas gaseificadas que, ao chegarem ao estômago, liberam o gás contido nelas.

Arrotar é um ato natural e não traz grandes consequências. Entretanto, se torna um problema quando ocorre de forma repetida e intensa. As pessoas com esse problema podem ter limitações sociais e até vivenciarem dores intensas no abdome, se a quantidade de gás deglutido for grande demais para ser absorvido pelo aparelho digestivo e não ocorrer a eliminação através do arroto.

Desde muito pequenos somos estimulados a arrotar, algumas manobras fazem o bebê expelir o gás após mamar, para evitar ou minimizar as cólicas. Existem culturas que consideram o arroto como um sinal de saciedade e de satisfação alimentar, sendo elegante arrotar após comer, em homenagem ao anfitrião. Porém, em nossa cultura, os arrotos altos são considerados falta de educação, mas não se deve tentar inibir a expulsão dos gases, procure fazer com discrição.

Existem algumas dicas que ajudam a ter menos gases no estômago e assim minimizar o desconforto:

– Coma devagar;

– Fale pouco durante a refeição;

– Mastigue bem os alimentos;

– Evite consumir chicletes e balas;

– Não fume;

– Evite bebidas gaseificadas;

– Se você ronca, procure um médico para tratar as causas do ronco.

Caso essas medidas não sejam suficientes para melhorar o problema, procure um médico. Não vale a pena ficar sofrendo, mesmo não sendo nada grave.

Fique de olho!

Saúde!

Dr Fabio Atui Cirurgia do Aparelho Digestivo e Coloproctologia

13 ComentáriosDeixe seu comentário

Deixe uma resposta